# 05. As irmãs da Cinderela que frequentam a classe da sua filha na Igreja....

Sinceramente, ninguém merece. Mas tem. E às vezes, tem que só!

Umas meninas crentes muito das chatas!

Mas isso, já vou adiantando: não é culpa da fé e nem da Igreja. É fraqueza ou fracasso de quem só frequenta a igreja desde pequenininha, mas ainda não encontrou dentro dela, a fé.

Não, não! Não "dentro da Igreja". É dentro de si mesmo, que estou enfatizando.

Vejo na Igreja (onde estou nela desde menino) vários tipos de pessoas, entre as quais em destacaria:

1. As que eu penso que são chatas, mas não são (eu é que não me aproximei devidamente para conversar e iniciar uma comunhão com aquela pessoa);

2) As que por temperamento são mais reservadas (mas são pessoas ótimas! - eu é que fico com 'o meu pé atrás' e sou reticente, sem motivo algum...). 

4) Existe os malas-gospel - Aqueles que nem sabe por que estão na Igreja e o que "Igreja" definitivamente seja - e para tudo e em tudo se intrometem. São mais frequentadores de igrejas do que participantes de cultos.

5) Existem os anões-espirituais, aqueles que não crescem na fé de jeito nenhum! São rasos, fracos e improdutivos para coisas boas, contrariando com o "tempo que têm de banco de igreja" o que está em 2Pedro 3.18.

6) Existem os joios - Por que não? Já fomos muito bem advertidos sobre eles (Mt 13.24-43).

7) Existem os seguidores devotos de SIMÃO; do Simão perigoso, o que se dizia "o grande poder (veja Atos 8.9ss). Estes, definitivamente não são crentes, mas estão ali por perto. Até "se parecem com crentes, mas definitivamente não o são) 

e existem os crentes mundanizados da Igreja como na de Corinto. Creio que não pouca gente se encaixa aqui.

SÃO CRENTES???

São. pelo que Paulo diz deles (e eu poque Paulo inspiradamente, disse). Paulo chama os membros da Igreja de Corinto de santos (1 Co 1.1). E assim eles são. Mas não são perfeitos (uma cobrança que vez por outra - e vez em sempre - queremos cobrar das pessoas da igreja).

São crentes sim, não são perfeitos, também... mas também estes não procuram e nem se esforçam nem um pouco em se aperfeiçoar, tendo toda a condição para isso e os dons DENTRO da Igreja nos que são de Cristo!

O maior dom que se destaca na pessoa e para percepção na coletividade é o AMOR.

Mas o que estava ocorrendo na Igreja de Corinto e seus muitos problemas interpessoais e para fora com mau testemunho, infelizmente?

AMOR ERRADO!

Amor egoísta, amor vaidoso, amor narcisisita... amor que não servia. 

Amor mais às coisas do mundo, tanto é que por isso vinham os escândalos e a necessidade de cartas de correção - às vezes com palavras muito duras - do apóstolo Paulo.

E é isso o que eu acho que em boa parte explique um monte de meninas chatas dentro das nossas igrejas. Elas estão amando e muito: amando errado.

Estão com padrões eminentemente mundanos para seus relacionamentos, provocações tipicamente pueris dentro da igreja, quando se fecham em grupinhos, seguem a cartilha dos valores do mundo em tudo (vestimenta, conversas, fofocas e invejas). 

São "irmãs em Cristo"? (que dificuldade agora para eu responder agora, lembrando-me de algumas 'feras' que vi de perto: tão pouca idade e tão grande grosseria!

Não posso dizer que são ou que não são, quando deveria ser dentro da igreja de Cristo, pelo que se vê e convive: são crentes, sim!

Na dúvida... que tipo de "irmãs" essas 'irmãzinhas tão jovens' e tantas, tão astutas, são? estão mais para irmãs... da Cinderela.

2. Características dessas irmãzinha dentro da igreja, que mais estão no momento para irmãs da Cinderela, do que tudo no mundo.

"Pelo fruto os conhecereis" (Mt 7.16). Fato. E não importa a idade. Desde cedo se a pessoa conhece a Cristo, ela demonstrará algum avanço e, com certeza, fruto (de justiça, de bondade, de arrependimento). Mostrará por manifestação também, o Fruto do Espírito (Gl 5.23). Com isso, não exigimos de pessoas ainda muito jovens, maturidade cristã com avanços de aperfeiçoamentos, por graça. Mas podemos exigir maturidade compatível com a idade que tem e o conhecimento que retém. Isso, sim, é possível.  E crianças e pré-adolescentes já podem, por graça, demonstrar bondade, mansidão, domínio próprio, alegria.... E diria eu mais: se são crentes de saberem quem Jesus Cristo é e o que a Palavra de Deus diz, deveriam também reverberar algo disso já, em suas vidas. Desde crianças, por graça e bom ensino  aprendizado, meninos e meninas podem demonstrar isso.

E se são capazes(e em alguns casos, ardilosas) para demonstrar tanta maldade e tanta chatice, podem sim, consciente e responsavelmente demonstrar as obras da Graça de Deus em suas vidas. Mas não fazem.

Ah, os membros da Igreja de Corinto! Podiam ter ido tão longe e feito muio mais, se não fossem tão acostumados com o mundo. Se não tivessem mais parcas de mundanismo em suas vidas, comportamentos, ações e reações. Poderiam ter feito tanto pela evangelização das pessoas à sua volta. Mas não fizeram tanto.

Fizeram foi, tanto estrago.

Meninas chatas fazem um grande estrago: na escola, no colégio, na família.

E prosseguem.

Encerrando, confesso que nunca mais assisti Cinderela (creiam-me). Mas, como você, eu me lembro bem das irmãs da Cinderela.

1. Terríveis. No caráter.

2. Horríveis, por dentro (em suas intenções, comportamento, armações).

3. Podres. De inveja e de maledicência.

E, tudo isso... COM O APOIO DA MÃE!

Infelizmente trem muitos pais que veem e finem que não veem: a deterioração rápida do caráter da filha. Muitos que já viram, mas fingiram que não viram: o péssimo comportamento e atitudes mesquinhas da menina que tem o seu sangue e sobrenome.

Tem muitos pais que já viram, mas têm medo. A filha já usurpou a autoridade da casa.

Pais, há tempo. Ainda é tempo! AInda dá tempo de:

1) vendo, orar a respeito.

2) Vendo, orar e ler a respeito.

3) vendo, orar, ler [pesquisar] e se aconselhar a respeito.

4) Vendo, orando, lendo, ouvindo conselhos, tomar providências!

O maior responsável pela vida da sua filhas ainda é você e ela lhe deve submissão, Para o bem dela, é assim a ordem.

Invertê-la ou pervertê-la é prejuízo incalculável.

A menina chata de hoje será a adolescente insuportável de daqui à pouco em sua casa; a jovem que se rebelará, a mulher que se casar, colocará sua casa em chamas! O progresso é mesmo este em muitos e muitos casos.

Viu  as irmãs da Cinderela em sua igreja, pai, mãe, destratando a sua menina?

Ou... será que a sua menina é uma própria, irmã da Cinderela com seu sangue e sobrenome, atormentando meninas na Igreja, no colégio e por toda parte.

Eu, hein? Se nem em conto de fadas isso dá certo...

Quanto mais, na vida real

Dá tempo de por um freio nesta fábula maluca em que a sua menina se meteu.

Dá tempo de apresentar-lhe o Evangelho: o único que funciona, marca, muda e salva, se a menina só for "filha de crente". Ou irmã de Cinderela na igreja. E só isso.

Evangelho de João 1.12 é a base e o ponto de partida para toda boa e necessária conversa, entre pais e filhas.

......

P.S. Depois eu volto com algumas dicas sobre como a sua menina, crente, conviver com as irmãs da Cinderela, se estas frequentarem a sua igreja.




Curso AnteriorBauru-SP Informações e perguntas básicas.
Próximo Curso#03. Sua menina e o fim do Cristianismo.